Search
  • Armazém Mauá

Como o levain combina sabor com diversos benefícios para a saúde

O período de isolamento social mudou a nossa percepção do tempo. Se antes a rotina corrida exigia refeições rápidas e práticas, a quarentena trouxe a possibilidade de nos aventurarmos na cozinha! No segmento da panificação, isso se refletiu na “febre de pão“. Esse fenômeno foi um boom de pessoas interessadas em fazer o seu próprio pão e em conhecer o mundo da fermentação natural. Mas com tantas informações circulando sobre fermentos e receitas, como entender a real importância do levain?

Neste post, você vai conhecer o que é levain e 4 benefícios do fermento natural para a sua saúde. Confira!

O que é levain

A massa lêveda, do francês levain, é obtida através do processo de fermentação natural em uma mistura de água e farinha de trigo. A partir da ação de microrganismos que estão presentes na farinha e no ambiente, ocorre a fermentação natural.

Nessa etapa, é necessário que o levain descanse alguns dias até atingir a sua maturação ideal. Assim, ele poderá ser usado em seu melhor estado como base de um pão. No entanto, após atingir esse estágio de maturação, o levain precisa de mais 48 horas de fermentação antes de ser finalmente assado!

Isso explica o porquê pães feitos com levain são chamados de “pães de fermentação lenta“.

Além disso, esse fermento tem outra particularidade: um azedume suave causado pelas leveduras, que pode ser ressaltado ou balanceado de acordo com o gosto de cada padeiro. Isso pode ser feito através do controle da temperatura, tipo e frequência de alimentação da sua massa madre.

Mas apesar do processo demorar um pouco mais do que quando usamos fermento biológico, o saldo é muito positivo. Além do levain ter uma performance excelente em sabor e textura, ele ainda apresenta uma qualidade indiscutível: é um importante aliado da saúde!

Quais são os benefícios do fermento natural

Auxilia a digestão

A ação das leveduras durante a fermentação promove um tipo de pré-digestão dos carboidratos e do glúten. Portanto, esse fermento não provoca aquela sensação de inchaço associada ao consumo de pães industrializados – alimentos feitos com fermento químico e em larga escala.

O levain não causa picos no índice glicêmico

Isso porque a fermentação natural altera a estrutura dos carboidratos em amidos mais resistentes, gerando um menor impacto sobre os picos de glicose no sangue.

Os microrganismos presentes no levain produzem ácidos orgânicos que ajudam a desacelerar a absorção dos açúcares, reduzindo consideravelmente os picos de insulina. Dessa forma, o organismo recebe uma liberação gradual da glicose, prolongando a sensação de saciedade.

Garante melhor absorção de nutrientes

O levain também proporciona uma maior absorção de nutrientes por parte do organismo, pois auxilia na proliferação de probióticos benéficos para o intestino.

Isso ocorre porque durante fermentação a enzima fitase degrada os filatos, substâncias que dificultam a absorção de alguns minerais. Portanto, o consumo de pães naturais nos permite uma melhor absorção dos nutrientes presentes no alimento.

Apresenta baixos níveis de glúten

Além disso, o levain ajuda a destruir alguns dos peptídeos que são responsáveis pela intolerância ao glúten. Isso torna o consumo de pães de fermentação natural uma ótima opção para aqueles que possuem intolerância à essa proteína.

Que tal tentar fazer o seu próprio pão de fermentação natural? Depois conte pra gente como foi a sua experiência!

Recent Posts

See All